Páginas

domingo, 19 de junho de 2011

Falando de Amor...




Se eu pudesse por um dia
Esse amor essa alegria
Eu te juro te daria
Se pudesse esse amor todo dia.
Chega perto
Vem sem medo
Chega mais meu coração
Vem ouvir esse segredo
Escondido num choro-canção.
Se soubesses
Como eu gosto
Do teu cheiro teu jeito de flor
Não negavas um beijinho
A quem anda perdido de amor.
Chora flauta
Chora pinho
Chora eu o teu cantor
Chora manso bem baixinho
Nesse choro falando de amor.
Vem depressa, vem sem medo
Foi pra ti meu coração
Que eu guardei esse segredo
Escondido num choro-canção.
Quando passas
Tão bonita
Nessa rua banhada de sol
Minha alma segue aflita
E eu me esqueço até do futebol.
Vem depressa, vem sem medo
Foi pra ti meu coração
Que eu guardei esse segredo
Escondido num choro-canção
Lá no fundo do meu coração.
Homenagem ao sessentão ( e que sessentão) Chico Buarque - 19 de junho de 1944.

Um comentário:

  1. Oi Majju
    Tem razão, e que sessentão, lindo e hiper, mega talentoso.
    Bjo

    ResponderExcluir